Anti-revolta: Os favoritinhos musicais de 2011

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012 16:23 By Allen , In

Esse ano não foi um bom ano musical, no meio de tantos lançamentos, segundos álbuns fajutos, terceiros álbuns que me deram raiva e quartos álbuns que me deram cabelos brancos, algumas bandas (que eu não conhecia antes) me conquistaram. Parei de ser blogueiro musical já fazem uns três anos, mas vale recordar aqui para todos os meus leitores (minha mãe e meu namorado, risos) o quão legal foi o ano musicalmente.

Nicola Roberts - Cinderella's Eyes


Os últimos três anos não foram bons anos para honrar minhas origens indiegenas, me fixei muito nos pop-eletronicos-females, um dos álbuns mais bacanudos certamente foi esse, sofri, chorei e sorri com ele. De cara o primeiro single, Beat Of My Drum, não me fisgou, enquanto a meus amigos foi tipo o "UHUL DANÇA E SAMBA NÊGA" do meio do ano... Mas quando o Lucky Day foi lançado, foi amor a segunda vista (♥). Sim, essa gata era do Girls Aloud, nunca tinha nem ouvido falar.

Florence + The Machine - Cerimonials


Vou contar minha historinha com a Florence: era uma vez um cara que acordava cedo e via clipes na MTV antes de sair para ir para o trabalho. Certo dia ele viu um clipe incrível, muito foda, lindo, fez chorar e se emocionar e passar dias sonhando com o clipe. O clipe era Cosmic Love da Florence + The Machine, porém o burro não lembrava do nome dela, nem da música, buscou um pouco, mas impacientemente desistiu (eita que amor falso), anos depois, final de 2011, resolveu deixar de ser mão de vaca e baixar o álbuns da Florence + The Machine, a qual já tinha visto todos os clipes (menos o de Cosmic Love), daí redescobriu aquela paixão.

Ploft!

Então, no light, no light.


Metronomy - The English Riviera


OMG VÃO SE FUDER VOCÊS POR FAZEREM MÚSICA TÃO BOA, O QUE CÊS FIZERAM? PACTO COM SATANÁS, SAI, IMORAL. Conheci pelo clipe de She Wants e tipo, ANSIEDADE TOTAL PELO ÁLBUM... Eu não sou bem um apaixonado por música, mas tipo, tô pensando até em ir assistir show deles (P.S: detesto shows).

The Naked And Famous - Passive Me, Agressive You


Tá, esse álbum é de 2010, mas foi do final de 2010 e eu só conheci em 2011, TÁ KIKIÉ, TENHO MEUS DIREITULOS, POSSO POSTÁ O QUE QUISÉ! Não posso deixar de fora, eu ouvi tanto, tanto, tanto, tanto e ainda assim não enjoei. :/

Mother Mother - Eureka


Esse álbum do Mother Mother foi uma surpresa para mim, já conhecia a banda desde Oh My Heart!, quando fui pego de surpresa com o lançamento de Eureka, meu mundo caiu... Quantas mais bandas que eu gostava lançaram álbuns e eu perdi? Nem do álbum novo do Clap Your Hands Say Yeah eu gostei tanto, mas esse álbum do Mother Mother superou as expectativas e ficou melhor que o Oh My Heart! como isso é possível? R: Magia.

Lykke Li - Wounded Rhymes


Ouvi dizer que depois que Lykke Li lançou Wounded Rhymes, o número de suicídio de hipster aumentou 25%. Brincadeira, suicídio e Lykke Li são muito mainstream para os Hipsters de hoje em dia. Outra puta que me fez sofrer nesse ano já não tão bom. Wounded Rhymes me fez ver que estou velho, que o amor me destrói, que o amor me reconstrói, que o amor é uma merda, que eu sou um prostituto por meu amor *cof cof* e que eu sou completamente vazio. Aham, não.

Big Troubles - Romantic Comedy


A música que mais ouvi esse ano foi Video Rock do álbum de 2010 do Big Troubles, o Worry, nem gostei tanto do resto do álbum, mais tarde em 2011, vi que eles tinham lançado outro álbum, "MAS JÁ?". Por incrível que pareça o Romantic Comedy é fofíssimo, o anterior era mais sujinho, hominho, já seu sucessor, muito lindo meu zeus.

CocknBullkid - Adulthood


De cara também me recusei a ouvir PauEBoiCrica, mas tipo, tinha tudo haver comigo, com minha fase da vida, com a minha visão de mundo... I Deserve It foi um dos meus hinos desse ano, porque olha... eu mereço, viu?

Los Campesinos! - Hello Sadness


Los Campesinos! se superaram, num punha uma miligrama de fé nesse álbum, taí a marca de tapa na cara pra me provar o contrário... E o clipe sangrento/fofo de By Your Hands? A vozinha do vocal é muito fofa meu zeus! Só não vence o sotaque fofo da PauEBoiCrica que usa as mesmas expressões da Kelly de Misfits. Uhum, assim mesmo.

Justice - Audio, Video, Disco


Sim, foi um dos álbuns que mais esperei de 2011, decepcionou? Não! Nem me venham com recalque que eu não tô bem! Amei Civilization, Ohio, Audio Video Disco, sou mega-fã da banda, ahahahahahahaha. 

The Kills - Blood Pressure


Bruto, grosseiro, sofrido, ótimo, mas enjoei de TANTO TANTO TANTO ouvir. Satellite minha preferida, adoro Ooooh, Oooooh, Oooohs. Muito lindo

Cheguei a décima primeira banda, né? Mas vamos se injetar mais de coca...cola e vamos pra mais umas menções honrosas.

Icona Pop


Cadê LP de vocês suas lindas? Escutei Manners até os tímpanos morrem e nada de lançar álbum.

Lana Del Rey



Fui buscar essa imagem e digitei "Rapariga bicuda", mulherzinha maldita, definhei de chorar no reveillon fazendo uma sessão Lana Del Rei... Tô piscando esperando esse LP ser lançado, APENAS piscando.


Pufft, de menções honrosas de vícios de 2011 só essas duas, minhas atenções de álbuns novos de 2012, além de Icona Pop e Lana Del Rey, tem também Cat Power, né? Tô vendo que 2012 vai continuar depressivo... Ah! Não posso esquecer também que talvez tenhamos álbum de Chairlift esse ano, né? Paixão Pura.


1 comentários:

heartstormer disse...

HAHAHHA... mais gente... cê é um louco e eu ai ai ai michel telôrizo-te!

2 de janeiro de 2012 16:56

Postar um comentário